Ouça o áudio desse artigo

 122,892 Total de visualizações

 

Absurdo: Pensando que estão na China, Casal é preso por comerem carne de cachorro no centro de Manaus; Veja o vídeo

Manaus/Am – Quando você pensa que já viu de tudo, você pode estar enganado. Duas pessoas foram presos na noite desta quinta-feira (18), em Manaus, achando que estavam na China. Isso porque os dois amigos são acusados de comer carne de cachorro e gatos. Segundo informações  da polícia, eles criavam cães e gatos para se alimentar da carne deles.

Absurdo: Pensando que estão na China, Casal é preso por comerem carne de cachorro no centro de Manaus; Veja o vídeo

Os suspeitos foram denunciados pela população, a residência da dupla fica localizada na Avenida Constantino Nery, próximo ao Terminal 1, na zona sul da capital. Quando a polícia chegou ao local encontrou dois cachorros amarrados, sem água e sem comida, sendo constatado o crime de maus-tratos. Vale ressaltar que quem maltrata animais poderá pegar até cinco anos de detenção em regime fechado.

Os animais que visivelmente estavam desnutrido foram resgatados e devem receber atendimento veterinário para posterior adoção. A dupla foi levada para o 1º Distrito Integrado de Polícia.

“A gente verificou o estado dos animais. Eram três cachorros e dois filhotes de gato. Todos eles estavam bastante desnutridos, bem magros, estavam amarrados com um corda no pescoço, sem poder se movimentar, os animais em situação muito precária, sem água, sem alimentação”, relatou Amorim.

Segundo o vereador Kennedy Marques (PMN), moradores da região relataram que mais animais estavam no local, mas nesta quinta-feira foram encontrados apenas cinco. Segundo o parlamentar, a dupla era “possivelmente” usuária de drogas.

“Os policiais chegaram lá e flagrantearam um casal, possivelmente usuário de drogas, que estava com animais. Lá tinham três cães e dois gatos, em condições que configuraram maus-tratos. Os animais foram encaminhados para um abrigo para receber atendimento médico veterinário”, explicou o vereador.

A equipe da OAB-AM também foi comunicada que os suspeitos matavam os animais durante a noite e consumiam a carne. “Lá tinha uma fogueira e há relatos de que, possivelmente, essas pessoas faziam o consumo de carne de cães e de gatos. Isso não foi constatado, mas o flagrante de maus-tratos foi confirmado”, destacou Marques.

Os suspeitos foram detidos e conduzidos ao 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP) para os procedimentos cabíveis. Os animais receberão atendimento veterinário e ficarão disponíveis para adoção.

Veja os vídeos: 

Fonte: Imediato

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO