Entregador de delivery acaba preso ao se recusar a entregar a moto e entrar em luta corporal com agentes do Detran-AM; veja o vídeo

Ouça o áudio desse artigo

 13,023 Total de visualizações

Entregador de delivery acaba preso ao se recusar a entregar a moto e entrar em luta corporal com agentes do Detran-AM; veja o vídeo

 

Manaus (AM) – Viralizou nas redes sociais nesta segunda-feira (15), um vídeo que mostra agentes do Neot tentando apreender a moto de um entregador de delivery da plataforma 99 Food. O caso aconteceu no dia de hoje, por volta das 11h da manhã, em Manaus.

Nas imagens podemos observar que o entregador fica agarrado em sua motocicleta, e afirma que seu advogado está a caminho. No entanto, os agentes o retiram a força do local e um chega até mesmo a empurrar o motoboy.

“Eu tô trabalhando”, dizia o entregador durante a abordagem.

O entregador foi encaminhado ao 1º Distrito Integrado de Polícia. De acordo com informações preliminares, ele foi preso por desacato a autoridade e direção perigosa, por supostamente não ser habilitado.

Veja o vídeo:

O Detran -AM emitiu uma nota sobre o fato ocorrido hoje pela manhã em frente a antiga sede do Detran.

✅O DETRAM-AM vem esclarecer os fatos a respeito de um vídeo que circula nas redes sociais, nesta segunda-feira (15/03), onde um entregador foi detido.

O motociclista foi avistado por um agente de trânsito do Detran-AM descendo a referida avenida na contramão, em alta velocidade e fazendo manobras arriscadas para desviar dos demais veículos. Diante de sua obrigação como agente da autoridade de trânsito, o policial militar que tem mais de 17 anos de experiência na área de trânsito e atua há 9 anos no Núcleo Especializado em Operações de Trânsito (Neot), solicitou que o condutor parasse, mas o mesmo não obedeceu, sendo contido alguns metros a frente.

Ao ser parado, foi solicitado que o mesmo descesse do veículo e apresentasse a CNH e o Documento da motocicleta, contudo ele se negou e desacatou o agente com palavras de baixo calão. Foi nesse momento que o vídeo que circula nas redes sociais começou a ser gravado.

A ação do agente de trânsito foi correta pelos seguintes aspectos: o condutor estava na contramão, dirigia em alta velocidade e fazendo manobras arriscadas, além da motocicleta estar usando a chamada “descarga livre”. Só por esses motivos o veículo já pode ser retido e removido pela autoridade de trânsito.

Mas outras irregularidades foram verificadas, agente percebeu que o lacre da placa estava rompido. Fora isso, o condutor não possuía CNH e, mesmo assim, estava fazendo entregas para a empresa 99 Food.

O condutor da motocicleta foi conduzido ao 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde foi apresentado a autoridade policial que o autuou em flagrante por direção perigosa e desacato.

Na questão das infrações de trânsito o condutor foi autuado por conduzir veículo sem possuir CNH, dirigir na contramão, uso de descarga livre, placa com lacre violado, dirigir ameaçando demais veículos e desobedecer às ordens da agente de trânsito.
DEIXE SEU COMENTÁRIO