Ouça o áudio desse artigo

 124,143 Total de visualizações

MANAUS- AM|  Um contrato no valor de 1,3 bilhões de reais para explorar painéis solares nos prédios públicos de Manaus foi deixado pelo ex-prefeito de Manaus Arthur Virgílio Neto para a conta do atual prefeito David Almeida . O que surpreende é que o acordo está em vigor até o ano de 2048.

O contrato obriga os contribuintes de Manaus a pagar mais R$ 50 milhões por ano para a empresa Amazon Watt S.A. pelo serviço de ” Implantação, operação e manutenção de miniusinas fotovoltaicas para a geração de energia distribuída as unidades consumidoras da prefeitura”.

O ex-prefeito não deixa a dívida apenas para o prefeito atual mas também para os outros prefeitos que atuaram em Manaus até o ano de 2048. A aprovação do contrato está publicada no Diário Oficial de Manaus desde a última quinta-feira (31), último dia de gestão de Arthur Neto.

prefeito
Imagem WhatsApp 2021 01 04 às 18.30.27 1
Imagem WhatsApp 2021 01 04 a 20.21.51 e1609806202617

Com informações de: Amazon1

DEIXE SEU COMENTÁRIO