Ouça o áudio desse artigo

 11,592 Total de visualizações

SÃO PAULO| Na manhã desta terça-feira (22), Suzane von Richthofen, deixou a prisão para “saidinha” temporária de Natal e Ano Novo.

A mulher que foi condenada  a 39 anos de prisão por matar os pais em 2002,  vai ficar em liberdade até o dia 5 de janeiro, quando deve voltar à Penitenciária Santa Maria Eufrásia Pelletier em Tremembé (SP). As informações são G1.

De acordo com informações, Suzane deixou p presídio por volta das 8h15, usava máscara de proteção contra a covid-19 e carregava uma sacola.  Em seguida, ela se encontrou com uma mulher e entrou em um carro.

Essa será a primeira e única saída temporária para Suzane e presos do regime semiaberto neste ano. Todas as “saidinhas”, do ano de 2020, foram canceladas devido a pandemia do novo coronavírus.

DEIXE SEU COMENTÁRIO