Ouça o áudio desse artigo

 4,842 Total de visualizações

Nesta quarta-feira, 16 de dezembro, a estudante de direito Laura Curi Vilarinho, de 19 anos, teve uma experiência inusitada.  Ela caminhava ao lado da mãe, em Uberlândia, quando a calçada cedeu e ela foi engolida em uma profundidade de dois metros.

A mãe conta o que passou pela sua cabeça.

“Na hora, até pensei em pular para tentar tirar ela, mas depois percebi que não adiantaria. Só pedi para ela ficar quieta”.

O acidente foi a poucos metros da clínica onde faria um exame médico.

“Fiquei muito assustada, me lembro de pouca coisa. Acho até que fiquei um pouco inconsciente porque não lembro de todos os momentos. Caí de costas, mas tive o reflexo de virar um pouco de lado e assim fiquei até ser resgatada. Lembro que algumas pessoas me faziam perguntas, mas só respondia com um joinha.”
VEJA O VÍDEO: 




DEIXE SEU COMENTÁRIO